15 de abr de 2010

O ambiente da classe adaptado às necessidades sensoriais

(Informações dirigidas a todos os profissionais da escola)


Para muitas crianças, algumas alterações feitas no ambiente escolar podem ajudá-las a se sentirem mais concentradas e calmas. Aqui estão algumas questões a serem consideradas.

Poderia ser benéfico para a criança ter um espaço 1:1 ou um “ninho” na classe, ou ter uma outra sala de “recarga/descanso/ninho” à disposição?

Há meios de você diminuir o nível de distração / sobrecarga sensorial na classe? Se existem muitas imagens / informações / cores espalhadas pelas paredes da classe, a criança que está sujeita a ficar sobrecarregada com um excesso visual pode se beneficiar se você diminuir o nível de distração visual ou sentar a criança em uma área em que exista menos distrações visuais. Pode ser particularmente importante reduzir a desordem visual atrás ou em volta do professor à frente da classe.

Observe se a criança mostra-se mais concentrada ao sentar-se na frente, atrás, no meio ou no canto da classe. Algumas crianças podem ter uma necessidade fisiológica de se mover de forma a permanecerem alertas. Se esse for o caso da sua criança, assentá-la no fundo da sala e ser flexível ao permitir que ela se mova pode ser uma estratégia útil. Algumas crianças simplesmente se beneficiam de se levantarem enquanto trabalham em suas carteiras. Outras podem concentrar-se mais se elas estiverem posicionadas diretamente na frente do professor, em vez de terem de girar para o lado para ver o professor. Muitas crianças se saem melhor se sentadas próximo a alunos mais quietos que não aumentam o nível de distração. Pode ainda ajudar se a carteira da criança não estiver próxima a um corredor ou passagem com bastante movimento.


A cadeira/mesa tem tamanho apropriado para a criança? Uma criança com baixo tônus muscular vai achar mais difícil concentrar-se enquanto em sua carteira se a mesa e a cadeira não oferecerem o suporte apropriado ao corpo.

A criança se torna distraída ou sobrecarregada com os sons? Há alguns modos de você diminuir o som ambiente no contexto da classe, tais como colocar um carpete no piso da classe ou instalar cortinas para bloquear o som vindo de fora. Em alguns casos, pode-se cobrir o sino da escola de forma que ele não soe tão alto. Para algumas crianças, pode ser útil prover um conjunto de fones ou protetores de ouvidos capazes de bloquear os ruídos, os quais podem ser usados pela criança de tempos em tempos para descansar do barulho.

Algumas crianças se beneficiam de uma mesa inclinada para que elas não tenham que se curvar para enxergar ou escrever nos seus papéis. Se a mesa não for inclinada você pode colocar uma estrutura inclinada no topo dela. Seria útil prover alguns desses espaços de trabalho inclinados na classe para outras crianças também de forma que a criança com necessidades especiais pudesse se sentir mais integrada no ambiente.

As lâmpadas fluorescentes parecem distrair a criança? Algumas crianças são
distraídas pelo zumbido e pelo piscar das lâmpadas fluorescentes. Você pode mudar para lâmpadas incandescentes ou ter uma cobertura para a luz fluorescente. Em algumas salas de aula a iluminação é dividida em seções, dessa forma você poderia manter as luzes desligadas em uma das seções e sentar a criança nessa área garantindo que exista apenas a quantidade de luz necessária. Para crianças com sensibilidade à luz recomendamos uma sala parcialmente protegida durante os períodos de pico de luz solar.

A sua criança perde o foco ou se torna irritada e frustrada facilmente se há um tempo extenso entre as refeições? Tenha um lanche saudável disponível na escola, até durante os momentos em que não há hora programada para lanches, para ser oferecido às crianças que têm grandes variações no açúcar do sangue, e subseqüente variação na habilidade de se concentrarem.

Para algumas crianças com dificuldade no processamento auditivo torna-se
importante prover instruções por escrito ou instruções visuais em vez de ter apenas o professor ou um facilitador dando instruções verbais.

Almofadas no assento ou no chão podem ajudar algumas crianças a manter o nível de concentração. Um grande pufe pode ser também útil.

Permanecer em fila é mais fácil para algumas crianças se elas estão na frente ou atrás da fila, ou em alguns casos, se elas têm alguma coisa para segurar (objetos para a próxima atividade, a porta, etc).

A designação de um parceiro/um amigo no parquinho da escola pode ajudar a facilitar a conexão social no parque ou pátio. Oferecer jogos ou atividades específicas para as crianças pode ser ainda mais eficaz.

Algumas crianças se beneficiam de atividades de aquecimento proprioceptivo antes de escrever ou pintar. Você pode usar uma massinha para moldar, apertar, rolar, etc. Você pode usar uma pequena bola para apertar ou simplesmente apertar as mãos junto ao punho e depois balançá-las algumas vezes.

Cobertores pesados ou almofadas de colo pesadas podem ajudar algumas crianças a permanecerem mais concentradas.

Observe como o nível de foco da criança muda quando o professor está se movendo ou quando ele está parado. Algumas crianças podem prestar mais atenção ao que o professor está dizendo quando ele se move, e em outros casos quando ele permanece parado.

Tenha folhas de trabalho pré-preparadas e disponíveis para a criança que tem
dificuldade com a motricidade fina, em vez de fazer com que ela copie tudo do
quadro.

Algumas crianças prestam mais atenção a uma atividade se elas são alertadas de que o professor está a ponto de dar uma instrução.
Algumas crianças com dificuldade para escrever podem ditar as respostas para um dos pais ou para o professor auxiliar. Certifique-se de que a criança ainda tenha tempo para trabalhar suas habilidades de motricidade fina e escrita.

A utilização de um teclado e um computador pode algumas vezes ser mais prático e mais efetivo para determinadas crianças.

Considere maneiras de dar intervalos em meio ao ambiente da classe que pareçam naturais, como os intervalos regulares para beber água, apontar o lápis ou recolher e distribuir material da classe.

Poderia ser útil para a criança se você desse a ela algumas ferramentas adicionais para manejar e organizar o tempo? Algumas crianças apresentam dificuldade em compreender o período de duração de alguma atividade ou o tempo previsto para a atividade durar. Em alguns casos, pode ser útil a utilização de cronômetros (cronômetro sonoro ou visual) ou de avisos de que faltam 5 minutos e depois que falta 1 minuto para a atividade acabar. Algumas crianças se beneficiam de um cronograma diário visual, um quadro de rotinas ou um planejamento diário. Você pode também, se a criança parecer se beneficiar, criar listas de atividades do dia e marcar com ela o quejá tiver sido feito na lista.

Se a criança tem percepção visual ou convergência de problemas, então usar uma regra ou um marcador de livro para marcar para onde você quer que a criança olhe ou leia pode ser útil.

Prepare-se para a escola (roupas, lanche, mochila, etc.) na noite anterior, de forma que as manhãs sejam menos estressantes e a sua criança chegue à escola calma e mais pronta para concentrar-se nas atividades propostas.

Por que a Terapia Ocupacional é importante para o Autismo ?

Estima-se que 60 a 70% das crianças com TEA (Transtorno do Espectro Autista) apresente um distúrbio sensorial (Adamson, 2006). Estudos têm ...