20 de mar de 2010

Para refletir !

HABILIDADES FUNCIONAIS
Meu irmão mais velho, Daryl
Tem 18 anos, é deficiente mental (QI 30-40)
Está na escola há 12 anos
Nunca esteve em nenhum outro ambiente
Teve muitos anos de "instrução individual"
Aprendeu muitas coisas !
Daryl consegue agora fazer muitas coisas que não sabia antes !
Consegue por 100 pinos em uma prancha com 95% de acerto.
Mas, não fichas para comprar uma Coca
Consegue mostrar seu nariz, ombro, perna, pé e ouvido. Ainda está aprendendo braço e tornozelo.
Mas não consegue assoar o nariz quando precisa.
Consegue fazer um quebra-cabeças do Mickey com 12 peças com 100% de correção,
Colorir um coelhinho da Páscoa e ficar dentro das linhas.
Mas, ele prefere música e nunca lhe ensinaram a ligar o rádio ou toca-fitas.
Ele agora consegue dobrar papel na metade e até em quatro.
Mas, não consegue dobrar suas roupas.
Consegue separar blocos por cores, até 10 cores diferentes !
Mas, não consegue separar suas roupas brancas das coloridas para lavar.
Pode rolar massinhas e fazer coisas maravilhosas.
Mas, não consegue enrolar a massa para fazer pãezinhos.
Sabe enfiar contas alternando cores e copiando um modelo !
Mas não sabe enfiar o cordão em seus sapatos.
Consegue cantar o alfabeto e dizer-me, com 80% de exatidão, os nomes de todas as letras maiúsculas quando apresentadas em fichas.
Mas, não sabe distinguir o banheiro feminino do masculino quando vamos ao McDonald's.
Sabe identificar com 100% de exatidão 100 figuras diferentes.
Mas, não sabe pedir um hamburguer mostrando e fazendo gestos.
Sabe andar em uma prancha de equilíbrio para frente, de lado e para trás !
Mas, não consegue subir sem assistência nas arquibancadas do ginásio para o jogo de basquete.
Sabe contar até 100 de memória.
Mas não sabe quanto dar no McDonald's para pagar uma refeição de $12,59.
Consegue por o bloco dentro, em baixo, ao lado e atrás da caixa.
Mas, não sabe achar o lixo do McDonald's e esvaziar sua bandeja.
Sabe sentar-se em um círculo com comportamento apropriado e cantar "Ciranda, Cirandinha"
Mas, ninguém mais da sua idade, na vizinhança, parece querer fazer isso.
Eu acho que talvez ele ainda não esteja pronto ...
(Traduzido e adaptado por Heloíza Goodrich)

Por que a Terapia Ocupacional é importante para o Autismo ?

Estima-se que 60 a 70% das crianças com TEA (Transtorno do Espectro Autista) apresente um distúrbio sensorial (Adamson, 2006). Estudos têm ...